sexta-feira, 30 de setembro de 2011


Já perdi a conta de quantas vezes me dei por inteiro, de quantos relacionamentos não deram certo, e do quanto já chorei. Não é que eu não queira, mas tenho medo de arriscar. O que eu preciso é de alguém que me pegue pela mão e diga "Vamos?", porque, se depender só de mim, eu não vou a lugar algum.

Nenhum comentário:

Postar um comentário